Connect with us

Sociedade

Mortes por acidentes em minas continuam a preocupar autoridades

Published

on

No Cuando Cubango, quatro pessoas morreram e treze outras ficaram feridas em consequência de acidentes em minas, registados de Janeiro até este mês.

Os dados foram avançados pelo responsável da desminagem nas “terras do progresso”, Marcial Cativa. Segundo ele, os ocidentes ocorrem devido a “insistência dos cidadãos em tentar retirar o suposto mercúrio do interior dos engenhos explosivos, facto que tem terminado em fatalidade”.

Para contornar a situação, as autoridades promovem, a partir de hoje, no município do Cuito Cuanavale, campanhas de sensibilização sobre os perigos de minas e outros engenhos explosivos, segundo o administrador local Daniel Mbimbi.

Formado em radiojornalismo, com passagem por órgãos de comunicação social públicos e privados. Possui formação internacional em Comunicação e Multimedia. Estudante do curso superior de Gestão/Comunicação e Marketing.

Colunistas