Connect with us

Luto

Morreu Siona Casimiro decano dos jornalistas

Published

on

Morreu na noite desta quinta-feira, 9 de Fevereiro de 2023, o decano dos jornalistas angolanos, Siona Casimiro, vítima de doença, em França, onde se encontrava em tratamento médico.

A informação foi apurada pelo Correio da Kianda, junto de fonte familiar.

Siona Watulana Casimiro era um notabilizado jornalista com passagens em órgãos de comunicação social angolanos e internacionais com destaque para a Agência Angola Press (Angop), de que foi director de informação,  jornal O Apostolado, Pana Press, Associated Press, bem como para a Rádio Ecclésia – Emissora Católica de Angola. Esta última, onde era, até a sua morte, o responsável pela crónica “Visão Jornalística”, emitida todas as quinta-feiras, às 19h, seguir ao jornal das 19h30.

Nascido na região de Matadi, no Baixo Congo, Siona Casimiro foi membro fundador do Sindicato dos Jornalistas Angolanos e do MISA ANGOLA.

Escreveu alguns livros, dentre os quais, “Maquis e arredores – memórias do jornalismo que acompanhou a luta de libertação nacional” e “Padre e Madres e a devida vénia”.

Tinha 79 anos de idade.

Em actualização