Connect with us

Eleições 2022

Missões internacionais apresentam declarações de observação eleitoral nesta sexta-feira

Published

on

As seis missões de Observadores Internacionais, convidadas para observar o pleito de 24 de Agosto em Angola, realizam nesta sexta-feira 26, as respectivas declarações preliminares em Luanda a partir das 15h numa das unidades hoteleiras da cidade baixa.

As declarações serão feitas de forma sequencial. O primeiro, de acordo com o programa enviado ao Correio da Kianda, será a missão de observação eleitoral da SADC, a ser proferida pelo chefe da missão daquele organismo regional, Frans Fapofi, ministro da Defesa e dos Antigos combatentes da República da Namíbia.
O antigo Primeiro Ministro da Etiópia, Hailemariam Desagn vai apresentar, a seguir, a declaração da Missão da União Africana, de que é chefe em Angola, para o pleito de 24 de Agosto.

Pela Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) a Declaração preliminar será apresentada pelo seu chefe da missão em Angola, o antigo Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos da Fonseca.

Seguir-se-á a declaração preliminar do Fórum Parlamentar da SADC, a ser proferido por Jacob Mundenda, Presidente do Parlamento da República do Zimbabwe, que chefia a missão daquele organismo no país.

Está igualmente prevista a Declaração Preliminar do Fórum das Missões Eleitorais da SADC, pelo reverendo Carlos Simão Matsinhe.

A última declaração será da Missão de Observadores da Conferência Internacional da Região dos grandes Lagos, a ser feita pelo embaixador Charles Murigande, que veio a Angola pelo Conselho de Governação do Kepler College no Ruanda.