Connect with us

Sociedade

Mau estado das vias e falta de mapeamento entre as causas da subida da corrida de táxi – ANATA

Published

on

O presidente da Associação Nacional dos Taxistas de Angola (ANATA), Francisco Paciente, disse essa quarta-feira, 06, à Rádio Correio da Kianda que o problema da especulação dos preços de táxi deve ser encarado, inicialmente, pelas causas, para além de alguns aproveitadores, tendo em conta a época natalícia.

O responsável dos azuis e brancos, aponta o mau estado das vias e o desajustamento do mapa das rotas como alguns dos motivos que fazem com que os profissionais tenham que subir os preços das corridas.

Paciente apela aos associados a praticarem o valor oficial da corrida que é de 150 kwanzas, apesar das dificuldades que têm de consentir o sofrimento por causa do mau estado das vias.

As declarações da ANATA surgem em resposta a detenção pelo Serviço de Investigação Criminal de três taxistas por supostamente estarem a especular os preços da corrida do táxi, em Cacuaco, na capital angolana, Luanda.

Em declarações ao Correio da Kianda, o porta-voz do SIC, Manuel Halaiwa, disse que a corporação está atenta às manobras utilizadas para desestabilizar os preços da corrida de táxi, uma prática corrente nos últimos dias.

A acção do SIC resultou de uma denúncia por parte dos populares que acusaram os taxistas de encurtarem as viagens e cobrarem valores que vão de 200 a 500 kwanzas por corrida.

“Os taxistas que encurtarem rotas e encarecerem o preço das corridas de táxi vão sentir a mão pesada”, disse.

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. Sofredor Angolano

    08/12/2023 at 2:54 pm

    Issa nao tem nada haver hoje as vias principais ja estão boas para se andar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *