Connect with us

Politica

Marcolino Moco espera que congresso do MPLA “não venha piorar as coisas”

Published

on

O antigo Primeiro-Ministro de Angola, Marcolino Moco, chamou de “manipulação e manobras” a divisão política e administrativa de Luanda.

Moco, que falava esta segunda-feira, no espaço “Ponto e Vírgula”, da Rádio Correio da Kianda, afirmou que o proponente pretende “adiar as autarquias locais”.

O ex-secretário geral do MPLA, o partido no poder, lembra que o país tem outras prioridades e diz que “o poder está demasiado centralizado na Cidade Alta”. Por isso, acrescenta, há problemas mínimos que o governo não consegue dar solução.

Em relação ao Congresso Extraordinário dos “camaradas”, anunciado para Dezembro deste ano, Marcolino Moco diz não ter muito a dizer. Mas espera que não piore as coisas, uma vez que que o MPLA é que sustenta o governo.

Ouça os pronunciamentos de Marcolino Moco, antigo Primeiro-Ministro de Angola, ao espaço “Ponto e Vírgula”.