Connect with us

Politica

Manifestantes denunciam extravio de seus pertences

António Cassoma

Published

on

O líder do Movimento dos Estudantes de Angola (MEA), Francisco Teixeira, um dos 103 cidadãos detidos, e organizador da manifestação deste sábado, 24, denunciou que durante a detenção por parte dos agentes da Polícia Nacional foram extraviados alguns de seus objectos pessoais, tais como telemóveis, dinheiro e chinelos.

Francisco Teixeira, em representação dos demais, desabafou dizendo que “o serviço da polícia não é roubar mas sim, proteger o cidadão”.

O activista, que aguarda para ser ouvido, explicou como tudo aconteceu: “assim que desci da minha viatura, a primeira coisa que fizeram é me tirar dinheiro, telefone e chave da minha viatura”. Segundo o jovem, para além dele, há outros detidos que lamentam pelos seus pertences.

Os 103 manifestantes, entre os quais 90 homens e 13 mulheres, estão a ser ouvidos na sala de audiência da terceira secção do Tribunal Provincial de Luanda “Dona Ana Joaquina”.

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (80)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (15)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2020 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD