Connect with us

Sociedade

Malnutricão no Cuando Cubango regista mais de três mil casos

Published

on

As principais unidades sanitárias da província do Cuando Cubango registaram cerca de três mil casos de malnutrição durante o primeiro trimestre deste ano, tendo resultado em morte de 28 crianças.

A informação foi avançada esta semana pela técnica provincial de Nutrição, tendo adiantando que o município de Menongue, lidera o índice de malnutrição com 1.407 casos, seguido pelo Cuchi com 664, Cuíto Cuanavale com 322, Calai com 55, e Mavinga com 51.

Graça Tapalo disse ainda que durante o primeiro trimestre deste ano, as unidades sanitárias da província registaram um total de 550 crianças que foram curadas com malnutrição,  e no mesmo período do ano transato, foram registados 2.296 casos da doença, dos quais 1.216 curados, 302 que abandonaram o tratamento e 18 óbitos causados por diversas complicações.

A malnutrição na província do Cuando Cubango continua a ser preocupante. Só no primeiro trimestre deste ano, foi registado um aumento de 740 novos casos, afirmou a técnica de nutrição.

Acrescentou que uma das principais causas da malnutrição continuam a ser a falta de conhecimento nutricional por parte das mães, o desmame precoce e os alimentos mal passados.

Sobre o assunto o médico em saúde pública Jeremias Agostinho, entende que a situação da desnutrição em crianças coloca em risco a segurança nacional e a estabilidade futura do País. Jeremias Agostinho defende a implementação de programas de combate a pobreza para reverter a situação.