Connect with us

Sociedade

Malanje: Fazendeiro é acusado de agredir funcionários com catana quente

Published

on

Um fazendeiro na província de Malange está a ser acusado de ter agredido dois funcionários seus, com uma catana aquecida na fogueira, depois de os flagrar a consumir duas galinhas abatidas da sua capoeira.

O porta-voz da delegação provincial da Polícia Nacional em Malange, o Inspector Eusébio Santos, revelou que o acusado, de 55 anos de idade, flagrou os funcionário a confecionar duas galinhas que tinham subtraído da sua capoeira, tendo o mesmo optado pela justiça privada.

O acto configurou-se no aquecimento de uma catana em uma fogueira, com a qual, a seguir, agrediu os dois funcionários em diversas regiões do corpo, tendo causado ferimentos e queimaduras do primeiro e segundo grau aos ofendidos.

O Porta-Voz da Polícia em Malanje apresentou nesta quinta-feira, 03 de Março, esses dados referente as ocorrências registadas naquela província durante o mês de Fevereiro.

Ainda em Malanje, uma cidadã de 18 anos de idade foi, segundo o Serviço de Investigação Criminal, vítima de agressão sexual pelo próprio vizinho, no bairro da Vila Matilde, quando se deslocara a residência deste em busca do seu telemóvel, deixado horas antes para carregar.

Depois de ver a jovem dentro da sua casa, o vizinho terá fechado a porta, projectou-a contra o solo e a abusou sexualmente, sem que para o efeito tivesse feito uso de preservativo, acrescentou Eusébio Santos.

Destacou ainda um crime de cobrança indevída de contribuições no valor de 24 mil Kwanzas, no município do Luquembo, por um fiscal da Administração Local, de 58 anos de idade, que entretanto, foi sumariamente julgado.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas