Connect with us

Sociedade

Mais de trinta pessoas morreram por afogamento nas praias de Cabinda

Published

on

Trinta e três pessoas morreram na província de Cabinda, de Novembro de 2022 até a presente data, por afogamento nas praias e rios.

A informação foi prestada pelo comandante provincial dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiros, Henrique Braz Capita, durante a apresentação do balanço operativo, no quadro do 42º aniversário do SPCB, assinalado na última quinta-feira, 30.

Referiu o oficial, que comparativamente ao período anterior, regista-se um aumento de 15 mortes por afogamento, acrescentando, por outro lado, que foram registados 188 incêndios de pequenas proporções, provocados por curto circuitos, negligência, fogo posto e vazamento de gás, com prejuízos avaliados em 233 milhões e 951 mil e 583 kwanzas.

Na ocasião, o delegado provincial do Ministério do Interior em Cabinda, comissário Francisco Notícia, pediu aos efectivos do SPCB, maior prontidão nas missões de prevenção, salvamento e resgate, dando uma resposta firme e determinada nas várias situações.

Exortou os efectivos do SPCB para primarem pela capacitação permanente, para fazerem face aos desafios, e continuarem com a sensibilização das populações nas zonas suburbanas e urbanas.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas