Connect with us

Educacão

Escola do ensino especial precisa de mais de 200 professores para funcionar em pleno

Published

on

O Complexo Escolar do Ensino Especial nº 1173, no Distrito Urbano do Rangel, em Luanda, carece de 231 Professores especializados, bem como outros técnicos de apoio de certas áreas, para o seu funcionamento em pleno.

A informação foi prestada, recentemente, pelo Director administrativo, Vasco Neto, aquando da visita que a Vice-Presidente da República, Esperança Costa, realizou àquela instituição de ensino especial.

Vasco Neto apresentou, durante a visita, as dificuldades que a instituição enfrenta, à Vice-presidente da República, tendo avançado que a referidas instituições tem 37 salas de aula, 101 Professores e conta com, aproximadamente, 1.500 alunos, entre normais e especiais.

A Vice-presidente da República, Esperança da Costa, garantiu que, em tempo oportuno, o complexo escolar vai beneficiar de obras de melhorias das infraestruturas e reforço do quadro docente especializado, menciona ainda, este estabelecimento de educação precisa de uma forte intervenção para proporcionar um ensino de qualidade e inclusivo.

Por outro lado, a Vice-presidente da República, prometeu aos órgãos gestores desta unidade, que vai trabalhar no sentido de mudar, gradualmente, a actual imagem que o Complexo Escolar do Ensino Especial nº 1173 apresenta, quer nas infraestruturas, como no funcionamento e gestão dos recursos disponibilizados.

“Dada a natureza física e psicomotora dos alunos que o Complexo Escolar recebe, é necessário que se trabalhe para que de facto sejam resolvidos, definitivamente, os constrangimentos, em tempo oportuno, e de forma gradual”, observou.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas