Connect with us

Cultura

Livro de Florita Cuhanga vence prémio Nacional de Direitos Humanos

Published

on

A obra científica “Angola: a trajectória das lutas pela cidadania e a educação em direitos humanos”, da investigadora Florita Cuhanga António Telo, é a vencedora da segunda edição do Prémio Nacional de Direitos Humanos, na categoria Investigação.

O livro “ANGOLA: a trajectória das lutas pela cidadania e a educação em direitos humanos” é uma contribuição ao estudo dos direitos humanos em Angola.

Trata-se de uma investigação documental e de terreno que nos dá a conhecer os elementos que contribuíram para a formação histórica dos cidadãos angolanos, com destaque para os anos de 1975, 1991 e 1992, e analisa o entendimento que os governos tiveram sobre direitos humanos a partir da leitura legislativa e sua relação com as práticas sociais de violência.

O livro apresenta os referenciais conceituais de direitos humanos em função da leitura histórica, incluindo a educação como meio através do qual os sujeitos são socializados. Num contexto de naturalização da violência, a educação desempenha papel fundamental.

De acordo com o editor Arlindo Isabel, a obra é também um contributo para a compreensão da educação formal em Angola e sua relação com a emancipação social, e ajuda a perceber como e por que a educação em direitos humanos pode ser um meio de concretização da democracia, da tolerância e de combate à violência.

A obra é uma edição da Mayamba Editora e foi lançada no dia 31 de Março de 2023, no Memorial Dr. Agostinho Neto, em Luanda.

Sobre a autora

Florita Cuhanga António Telo nasceu em Dezembro de 1983, na província do Uíge; é doutorada em Estudos Interdisciplinares de Género, Mulheres e Feminismo pela Universidade Federal da Bahia (Brasil), mestre em Direitos Humanos pela Faculdade de Direito da Universidade Federal da Paraíba (Brasil) e licenciada em Direito pela Universidade Agostinho Neto (Angola).

A autora é docente universitária, consultora nas áreas de género e direitos humanos, e publica, regularmente, artigos científicos em revistas internacionais sobre a sua área de investigação.