Connect with us

Politica

Líder da Juventude do PRS responde provocação de líder da JMPLA

Published

on

O secretário permanente nacional da Juventude do PRS, Gaspar dos Santos Fernandes, deixou o seu gabinete e usou o espaço publico em Cacuaco num encontro com a juventude local, nesta segunda-feira, para responder acusações do líder da JMPLA, Crispiniano dos Santos, a quem chamou “de mentiroso” e acusou o seu partido de ser o responsável pelo sofrimento da juventude angolana.

“O MPLA, co-adjuvado do seu braço juvenil, mente e engana a juventude angolana. Crispiniano dos Santos tem que ter em conta que o seu partido nunca foi capaz de admitir as suas incapacidades governativas, desde a luta de libertação de Nacional até ao actual momento, e vive acusando a oposição”.

Em causa estão as recentes declarações proferidas pelo secretário nacional da Juventude do partido no poder, MPLA, Crispiniano dos Santos, na província da Huila, onde o líder juvenil dos “camaradas”, acusa a oposição de “manipular os jovens e denegrir a imagem de Angola no exterior”.

Gaspar dos Santos respondeu aos ataques feitos por líder da JMPLA, dirigidos a milhares de militantes do MPLA que juntaram-se no último sábado, no Lubango, onde disse que “a oposição está mais preocupado em apostar na manipulação dos jovens, do que em querer ajudar o país a crescer”.

O político do PRS frisou que as preocupações, tais como o acesso ao primeiro emprego, o acesso à habitação, a melhoria da qualidade do ensino, a necessidade do aumento da oferta dos cursos de formação superior e o aumento do número de bolsas de estudo, o acesso à água potável e energia elétrica, etc., continuam a ser das principais preocupações dos jovens.

Gaspar chama atenção ao seu homólogo, para aceitar a realidade crua e nua da juventude, “mas como o regime e a sua juventude foram licenciados para enganar, na sua digressão pelo país, Crispiniano mentiu compulsivamente e sem o mínimo de vergonha na cara como jovem que ele é”, disse.

O MPLA não tem e nunca teve capacidade de governar, não são os partidos na oposição, mas sim, eles, porque nunca foi a oposição quem prometeu ao povo: “Melhorar a vida dos angolanos e não aconteceu. Quem prometeu transformar Benguela numa Califórnia? Quem prometeu os quinhentos mil empregos? É o MPLA”, recordou.

O líder da mocidade juvenil dos renovadores sociais, sublinhou que foi o MPLA quem “prometeu e não cumpriu com a promoção do desenvolvimento sustentável e diversificado, com inclusão económica e social e redução das desigualdades”, finalizou.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (31)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (27)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (91)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (23)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania