Connect with us

Mundo

Líbia: contabilizados quase quatro mil mortos vítimas das cheias

Published

on

Depois de uma semana, desde as cheias ocorridas na madrugada de 11 de Setembro, no leste da Líbia, o número de mortos contabilizados ultrapassou os 3.800, de acordo com o mais recente balanço divulgado na tarde de ontem, pelas autoridades locais.

A passagem da tempestade, na noite de 10 para 11 de setembro, provocou inundações e a destruição de duas barragens, criando uma onda de água parecida com um ‘tsunami’, que inundou e destruiu a cidade de Drena, no leste da Líbia.

O novo balanço provisório, divulgado na tarde deste sábado, 22, aponta para pelo menos 3.845 mortos, de acordo com o anúncio do porta-voz de um comité de supervisão da ajuda humanitária, formado pelo governo, Mohamed Eljarh, citado pela Agência France Presse.

Este número, que inclui apenas os corpos enterrados e registados pelo ministério da Saúde, “prevê-se que aumente diariamente”, enquanto decorrem as actividades.

Mohamed Eljarh explicou que os corpos enterrados à pressa pelos habitantes, nos primeiros dias após a catástrofe, não foram contabilizados.

Ainda de acordo com o porta-voz, as autoridades estão a trabalhar para identificar as vítimas enterradas sem identificação, bem como os desaparecidos, cujo número aumentou para mais de dez mil, segundo estimativas das autoridades e de organizações humanitárias internacionais.

Mohamed Eljarh apelou aos habitantes que comuniquem os nomes dos desaparecidos em dois gabinetes criados pelo procurador-geral de Drena.

Entretanto, continuam as buscas para encontrar corpos sob os escombros e no mar. Pelo menos nove equipas estrangeiras continuam a participar nas buscas.

Mais de 43 mil pessoas foram deslocadas devido às inundações, de acordo com os dados mais recentes da Organização Internacional para as Migrações (OIM).

O Ministério Público líbio abriu há uma semana uma investigação sobre a rutura das duas barragens, construídas na década de 1970, e sobre a atribuição de verbas para a sua manutenção.

Colunistas