Connect with us

Recent

Libanês assassinado a tiro em Luanda, três dias depois PN continua a desconhecer ocorrência

Published

on

De acordo com o jornal The Daily Star Lebanon, Hassan Ali Zeidan estava há apenas cinco dias em Luanda, onde procurava emprego, depois de uma temporada nos EUA.

O diário libanês refere que a vítima transportava um saco de dinheiro – cuja quantia não foi revelada – quando foi interpelada pelos assaltantes e mortalmente baleada.

A ocorrência chegou a desencadear um apelo no Facebook, junto da comunidade expatriada em Luanda, para recolha de sangue, iniciativa que, embora bem-sucedida, acabou por não ser suficiente para salvar Hassan Zeidan.

Segundo o repto partilhado nas redes sociais, o libanês foi atingido por três disparos, e deu entrada no hospital já em estado crítico.

Três dias depois da ocorrência, a Polícia Nacional, contactada esta manhã pelo Novo Jornal Online, diz desconhecer o crime.

Recorde-se que, no início deste ano, noutro homicídio cometido em Luanda também contra um cidadão libanês, o Presidente do Líbano, Michel Aoun, responsabilizou os serviços secretos israelitas (Mossad).

A acusação foi contudo descartada pelo Serviço de Investigação Criminal

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *