Connect with us

Lifestyle

Leandro Marques apresenta-se na Galeria Tamar Golan com “Eclosão”

Manuel Camalata

Published

on

O artista plástico Leandro Marques vai apresentar-se na Galeria Tamar Golan com uma exposição individual denominada “Eclosão”, a ser inaugurada na sexta-feira, 02 de Abril, pelas 18 horas. A amostra ficará patente ao público até o dia 26 de Abril, podendo ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na galeria de arte contemporânea da Fundação Arte e Cultura, na Ilha de Luanda, junto à escola 1205, paragem da Casa Lisboa.

Trata-se de uma exposição que visa saudar e prestigiar a estreia, a título individual, do artista plástico Marques, depois de um número de participações consideráveis e marcantes em importantes exposições colectivas.

Contudo, tal estreia não pode ser entendida como fraqueza na medida em que esta exposição demonstra por si só o nascimento ou surgimento de um valor a ter em conta no circuito das artes plásticas.

Depois de participar em várias exposições colectivas, Marques desafia-se, mostrando no “Eclosão” um conjunto de obras com técnicas diferenciadas, na Galeria Tamar Golan. Entretanto, não é a primeira vez que se vai apresentar na Galeria Tamar Golan. Em 2018 e 2019, participou de duas exposições colectivas “No silêncio a arte fala” e “A Fonte”, respectivamente.

Marques é pseudónimo de Leandro Clécio de Sá Marques, natural da província de Luanda, membro da UNAP/ Brigada Jovem. Marques, autodidata, começou a traçar o seu voo pelo universo das artes plásticas em casa e, através de constantes e sistemáticos exercícios, foi apurando a sua arte. Marques, em termos de harmonização, certamente não teria encontrado um título melhor que ECLOSÃO, pois toda a sua semântica explica esse voo primário que seguramente se vai repetir nos próximos tempos.

O artista Marques é conhecido no seio familiar de Leandro Clécio de Sá Marques, nome com que os seus pais baptizaram-no antes mesmo de ao mundo dar os seus primeiros gritos no dia 26 de Novembro de 1988, em Maianga, Luanda. Como qualquer ser humano, Leandro de Sá Marques viria erguer-se na dinâmica do seu crescimento físico e mental, reencontrando-se, em 2018, no dote que lhe caracteriza- artista plástico- conhecendo assim a sua segunda identidade, Marques. É autodidacta e membro da UNAP e Brigada de Jovens Artistas Plásticos.

Ainda em 2018, participou numa exposição colectiva no Centro Cultural Brasil Angola, no âmbito da 7ª edição da Maratona dos artistas, e em 2019, na Galeria Banco Económico, participou da exposição “Untitled.2”. Já em 2020, no Espaço d´Arte (Ed.Sky One) participou da exposição “Reunir”.

Sobre a Galeria

A Galeria Tamar Golan, da Fundação Arte e Cultura, é um projecto cultural inovador e alternativo, sem fins lucrativos, que visa promover as artes plásticas angolanas e apoiar jovens talentos emergentes nas artes plásticas. Todas as receitas da Galeria são canalizadas para os projectos sociais da Fundação. Criada em 2012, ano em que a Fundação completava o seu 7º aniversário, a Galeria Tamar Golan está situada no Centro Cultural da Fundação, na Ilha de Luanda, junto à Escola Primária 1205. A Galeria está aberta ao público de Segunda a Sábado, das 9h às 17h.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (86)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (17)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2021 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD