Connect with us

Interpol

Laborinho destaca importância de cooperação dos Estados no combate aos crimes transnacionais

Published

on

O Ministro do Interior considerou, ao meio da tarde desta terça-feira, 28, o terrorismo, o branqueamento de capitais, a corrupção, o tráfico de seres e órgãos humanos, o contrabando de minerais e pedras preciosas, temas cuja discussão interessa todos os Estados.

Eugénio Laborinho, apresentou esta posição quando falava à imprensa à margem da nonagésima primeira Assembleia Geral da Interpol, que teve início hoje, na cidade de Viena, capital da Áustria.

Para o dirigente, a realização do certame da maior organização de polícia criminal a nível do mundo e a massiva participação dos Estados mostra a importância que se dá a segurança pública dos países, “pois, não pode haver desenvolvimento sem segurança”.

Recorde-se que a Assembleia Geral da Interpol teve início hoje, terça-feira, 28, e irá decorrer até dia 1 de Dezembro do ano em curso.

Delegação do Ministério do Interior participa de reunião da INTERPOL em Viena