Connect with us

Politica

Juventude da UNITA entre a mais contemplada com apartamentos a serem entregues pelo CNJ

António Sacuvaia

Published

on

Os mais de mil apartamentos disponibilizados pelo Presidente da República, João Lourenço, aos jovens, na sequência do diálogo juvenil realizado no ano passado, onde os participantes solicitaram ao chefe de Estado facilidades para o acesso às habitações construídas com fundos públicos, poderão começar a ser entregues ainda esta semana.

Segundo uma fonte do Correio da Kianda que acompanha o processo, entre as organizações políticas contempladas, figura-se na lista de destaque, a Juventude Revolucionária da UNITA (JURA) que, apesar de não ter sido avançado o número de casas a serem entregues àquela organização política ligada ao partido do “galo negro”, presume-se, avança a fonte, que a JURA venha a ser mais contemplada em detrimento da JMPLA.

Entretanto, analistas contactados pelo Correio da Kianda, consideram o gesto de João Lourenço como sendo o de humanista e de um Chefe de Estado, engajado em governar o país para o bem de todos, sem olhar para cores partidárias, muito menos para exclusão de cidadãos com ligação a outros partidos.

O processo que está a ser conduzido pelo Conselho Nacional da Juventude, abarca várias outras organizações, dentre elas, o Movimento dos Estudantes Angolanos (MEA), um processo que foram ainda seleccionados para contemplação  jovens de diferentes níveis sociais, desde vendedores ambulantes, peixeiros, estudantes, funcionários públicos, jornalistas, membros de partidos políticos e  jovens do Movimento Revolucionário.

Conforme publicamos na semana passada, o director nacional de Habitação, do Ministério da Construção e Obras Públicas, Adérito Mohamed, assegurou que os apartamentos atribuídos ao Estado, começam a ser distribuídos, de forma gradual aos beneficiários, num processo que será conduzido pelo Conselho Nacional da Juventude (CNJ).

Adérito Mohamed disse que apesar de existir algumas residências sem condições de habitabilidade, a partir deste mês, farão em concessão gradual mais mil moradias.

“Numa primeira fase vamos entregar apenas aqueles que estiverem em condições e os restantes, entregaremos à medida que as obras de reabilitação avançarem”, sublinhou o governante e assegurou que o Governo já disponibilizou verbas para o processo de reabilitação  dos imóveis vandalizados.

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (81)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (15)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2020 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD