Connect with us

Destaque

Jovens do Cunene exigem retratação pública de David Mendes sobre “povo não civilizado”

Published

on

O Movimento Juvenil Comunitário de Angola (MOVIJOVEM) exige que o Deputado David Mendes se retrate públicamente, pedindo desculpas ao povo da província do Cunene, por ter dito, durante um programa televisivo que o povo do Cunene é “indígna e não civilizado”. 

Na nota de repúdio datada de 15 de Abril corrente, a que o Correio da Kianda teve acesso, o Secretariado provincial daquela organização juvenil na provincia do Cunene considera o pronunciamento de David Mendes como um insulto a um que tem as suas “peculiaridades e com provas inequívocas de uma civilização Bantu consolidada”, razão pela qual não aceitam quaisquer tentativas de descriminação que tire a sua honra.

O repúdio está relacionado com a forma como o deputado David Mendes, na condição de comentador residente do espaço Revista Zimbo, da TV Zimbo ter se referido ao povo da província do Cunene, como sendo “um povo indígena e não civilizado”, o que na visão daquele movimento juvenil constituir uma ofensa ao bom nome e à dignidade daquele povo.

Entretanto, reconhece que os pronunciamentos do comentador não é vinculativa à estação televisiva onde no passado dia 10, David Mendes se referiu naqueles termos, mas exigem que seja o usado o mesmo espaço para a retratação.  O objectivo da exigência do Movi Jovem é a garantia da “harmonia e da boa convivência social”.

Tentativas do Correio da Kianda para ouvir o comentador residente do Espaço Revista Zimbo emitido semanalmente aos domingos, na TV Zimbo, não tiveram éxitos, poís David Mendes não atendeu as chamadas telefónicas, nem respondeu à mensagem de texto enviada para o seu número pessoal.