Connect with us

Lifestyle

Jovem de 28 anos quase morreu por roer as unhas

Published

on

Luke Hanoman, pai de duas crianças, quase morreu depois de ter contraído uma septicemia – infeção generalizada-  mortal que terá sido desencadeada pelo facto de ele roer as unhas.

Conforme revela o britânico Mirror, Luke começou a sentir-se mal depois de morder a pele que estava em redor da unha.

Durante uma semana, o jovem de 28 anos lutou contra sintomas semelhantes aos da gripe, totalmente inconsciente de que uma infeção se estava a espalhar pelo sangue.

Quando foi levado para o hospital, passou quatro dias em observação e 24 horas depois do internamento foi informado que tinha sorte em estar vivo.

Agora em forma, o operário de armazém de Birkdale, Southport, está a tentar recuperar. “Costumava roer as unhas o tempo todo, como forma de controlar a minha ansiedade. E um dia eu mordi a pele do lado da minha unha. Doeu um pouco, mas não me preocupei”, explicou.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas