Connect with us

Sociedade

Jornalistas recebem capacitacão sobre covid-19

Published

on

Arrancou hoje, em Luanda, a formacão de actualizacão de conhecimentos sobre a covid-19. A decorrer no Cefojor, a formacão tem como objectivos, aumentar o conhecimento em matérias sobre a contaminação comunitária do novo coronavírus em Angola e capacitar os profissionais da comunicacão social sobre o tema.

Promovida pelo Ministério da Saúde, mais de trinta jornalistas de diferentes órgãos fizeram-se presentes, numa formação, que inclui, entre outros temas, a “Importância da biossegurança”; “Desafios do controlo da doença”; “Fases de transmissão”; “Ética e deontologia dos profissionais da comunicação covid-19” e “Comunicação e orientação comunitária”.

Para o secretário de Estado para a Comunicacão Social, Nuno Albino, o momento em que o país vive precisa se reforçar e actualizar os conhecimentos dos jornalistas, para que, através dos órgãos de comunicação social possam influenciar e mudar o comportamento da população no acatamento e cumprimento rigoroso das medidas de prevenção, visando cortar a cadeia de transmissão.

Caldas fez saber ser oportuno e necessário o reforço da uniformização da comunicação nesta etapa de transmissão comunitária do vírus Sars-Covid-2, com o propósito de assegurar uma maior mobilização e engajar os cidadãos na luta contra a covid-19.

Nuno Caldas considerou a comunicação e a informação como sendo elementos fundamentais para combater o vírus causador da covid-19, reconhecendo que os meios de comunicação social são espaços privilegiados para a disseminação da informação sobre as medidas de prevenção.

Nuno Albino apelou aos cidadãos a respeitarem as orientações das autoridades sanitárias e outras entidades diariamente engajadas no combate e prevenção da pandemia.

Desde a confirmação dos dois primeiros casos positivos de covid-19, em Março último, o quadro epidemiológico de Angola soma 1483 infectados, dos quais 520 recuperados, 64 óbitos e 899 activos.