Conecte-se agora

Redes Sociais

Jornalista Graça Campos “desmonta” Augusto Tomás

Redação

Publicados

on

jornalista graça campos "desmonta" augusto tomás - Gra  a Campos - Jornalista Graça Campos “desmonta” Augusto Tomás

O Jornalista e analista politico, Graça Campos, disse nesta quinta-feira (06), num texto publicado na rede social facebook, que o “casamento” de Augusto Tomás com o exercício de cargos públicos, vem desde os anos 80, contrariando assim, as declarações de Tomás em tribunal,  que diz que,  todo o seu património resulta do negócio imobiliário dos anos 1990 a 2007, antes de exercer cargos públicos,  altura em que recorreu ao crédito bancário de 60 milhões de dólares, em fases diferentes, para o segmento imobiliário.  

“De acordo com a sua biografia oficial, produzida pela insuspeita ANGOP, a agência noticiosa oficial, em 1995 e 1996, Augusto da Silva Tomás desempenhou as funções de Ministro da Economia e Finanças.
Isso quer simplesmente dizer que ele afirma ter iniciado e concluído (1996-2003) o ressarcimento da dívida de 60 milhões de dólares que disse ter contraído junto da banca, Augusto Tomás já exercia funções públicas. Aliás, em 1996, ele era exactamente Ministro da Economia e Finanças. Ora, ser ministro da Economia e Finanças naquele contexto seguramente lhe deu uma imensa ajuda para iniciar o pagamento da pretensa dívida”. Disse
Outrossim, não é exactamente verdade que o ora réu tenha iniciado a sua actividade empresarial nos anos 90 e altura em que negou o exercício de qualquer cargo público.
A biografia feita pela insuspeita ANGOP deixa o ex-ministro dos Transportes em maus lençóis quando confrontado com a verdade. Retomamos, aqui, os elementos essenciais dessa biografia.
Deputado da Assembleia Nacional, (1996/2007);
Ministro da Economia e Finanças, (1995/1996);
Governador Provincial de Cabinda, (1991/1995);
Vice-Ministro da Indústria e do Comércio, (1990/1991);
Vice-Ministro da Indústria, (1989/1991).
Curriculum Profissional
Economista
Presidente do Conselho de Administração do Banco Comercial Angolano, (2004/2007);
Director Nacional do Gabinete do Plano do Ministério da Indústria, (1985/1989);
Professor de Finanças a Análise Financeira na Faculdade de Economia da Universidade Agostinho Neto, (1982/1989);
Director de Gabinete do Coordenador do Programa de Emergência e Recuperação de Equipamento, máquinas e meios de Transporte, (1982/1984).
Membro do Comité Executivo da União Parlamentar Africana, (1997/2007).
Como se constata, vem de longe o “casamento” de Augusto Tomás com o exercício de cargos públicos.

 

Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Colunistas

Ana Margoso
Ana Margoso (14)

Jornalista

António Sacuvaia
António Sacuvaia (281)

Editor

Diavita Alexandre Jorge
Diavita Alexandre Jorge (12)

Politologo

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (16)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (17)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (68)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (11)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

Publicação