Connect with us

Mundo

Jornalista do Africa Intelligence detido na Etiópia por “conspiração para criar o caos” no país

Published

on

Está detido, na Etiópia, o jornalista francês Antoine Galindo, do site Africa Intelligence, acusado de “conspiração para criar o caos” no país. A informação foi avançada hoje pelo Comité para a Protecção dos Jornalistas.

“O jornalista foi detido no dia 22 de Fevereiro, por agentes de segurança. Sendo que desde então, encontra-se na esquadra da polícia de Adis Abeba”, disse, o órgão.

Galindo chegou a capital etíope em 13 de Fevereiro para cobrir a 37.ª Cimeira Ordinária de Chefes de Estado e de Governo da União Africana, em Adis Abeba.

O jornalista tinha um visto que lhe permitia trabalhar no país e tinha informado as autoridades etíopes do trabalho que iria efectuar.

Na audiência, Galindo pediu para ser libertado sob fiança, mas a polícia argumentou que precisava de o manter sob custódia para deter outros suspeitos, identificados como cúmplices, e para ter acesso aos registos das telecomunicações do jornalista.