Connect with us

Politica

João Lourenço pede cessar-fogo definitivo e incondicional por parte da Rússia

Published

on

“A guerra contra a Ucrânia representa uma séria ameaça à paz e segurança, não apenas para a Europa mas a nível global”, considerou o Presidente da República, João Lourenço, durante discurso de Apresentação de Cumprimentos de Ano Novo do Corpo Diplomático Acreditado em Angola, esta quinta-feira, 12.

João Lourenço destacou o facto do conflito já ter provocado “a maior crise energética, alimentar e humanitária que o mundo conheceu após a Segunda Guerra Mundial”, citou, destacando ainda que a mesma “terminou em 1945, ou seja, há 78 anos”.

Ainda em sua fala, o Chefe de Estado angolano reforçou que “toda a comunidade internacional é pela paz e concórdia entre os povos, é pela resolução pacífica dos conflitos entre as nações” e exortou “ao estabelecimento de um cessar-fogo definitivo e incondicional por parte da Rússia, para que se crie o necessário ambiente negocial entre as partes envolvidas, que leve à construção de uma paz sólida e duradoura nesse continente”.

João Lourenço recordou ainda que a “realidade de hoje contrasta com o estatuto e prestígio granjeados pela Rússia de ter sido, com os aliados de então – os EUA, o Reino Unido e a França- os que libertaram a Europa e o Mundo da ocupação e da ameaça nazi”.

É hora de negociar e fazer a paz; o mundo reconhecerá esse passo na direcção certa da história”, finalizou.

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como editora do portal Correio da Kianda.