Connect with us

Economia

João Lourenço cria equipa para renegociar dívida com a China

Published

on

A revista Africa Intelligence noticiou, recentemente, que o presidente João Lourenço terá criado uma equipa de técnicos seniores do Ministério das Finanças, liderada pela titular da pasta, Vera Daves de Sousa, para renegociar com a China a dívida que Angola tem com aquele gingante asiático.

Além da ministra Vera Daves, integram igualmente a equipa o secretário de Estado das Finanças, Osvaldo Victorino João, a chefe de Departamento, Nádia Pinto, o assessor jurídico, Augusto Kalikemala e a directora de Orçamento, Eliana Maria Fortes dos Santos. Os quatro funcionários públicos, de acordo com a revista, são técnicos seniores com passagens por instituições e cargos de relevo na economia angolana.

A referida dívida, avaliada em mais de cinco bilhões de dólares, foi contraída por Angola na era José Eduardo dos Santos.

Das negociações, a referida equipa já terá conseguido da China um reescalonamento da dívida externa de Angola, pelo que as modalidades para um futuro acordo neste âmbito, continuam desconhecidas.

Recentemente, o Fundo Monetário Internacional (FMI) desembolsou uma nova tranche de um bilhão de dólares como parte do programa trienal de USD 3,7 bilhões acordado em 2018. A maior parte da dívida do país (120% da PIB) é devido ao Estado chinês por meio do Export-Import Bank of China (USD 5 bilhões) e Banco Industrial e Comercial da China.

No entanto, a revista Africa refere ainda que para a China, convém o pagamento em espécie pelo facto daquele país não precisar de dinheiro adicional.