Connect with us

Economia

João Lourenço aprova privatização do BCI

Redação

Published

on

O Presidente da República, João Lourenço, aprovou nesta terça-feira (05), a privatização do Banco de Comércio e Indústria (BCI), pelo procedimento de Leilão em Bolsa direccionado a candidatos especialmente qualificados.

Segundo Despacho Presidencial n.º 66/20 de 5 de Maio de 2020, a que o Correio da Kianda teve acesso, João Lourenço, delegada competência à Ministra das Finanças, com a faculdade de subdelegar, para a aprovação das peças do procedimento referente ao Leilão, nomeação da comissão de negociação, verificação da validade e legalidade de todos os actos praticados no âmbito dos referidos procedimentos, adjudicação das propostas para a celebração e a assinatura dos Contratos.

A privatizações do BCI, faz parte do programa do acordo de assistência do FMI, que prevê  o encerramento de empresas detidas pelo Estado em situação de insolvência e a privatização de outras 126 empresas, incluindo 52 participações da Sonangol, em áreas fora dos petróleos.

Banco de Comércio e Indústria (BCI), é detido pelo Estado, representado pelo Ministério das Finanças, com 98,92 por cento do capital social, sendo o restante repartido pelas seguintes Empresas Públicas: Sonangol (0,19%), ENSA (0,19%), Porto de Luanda (0,19%), TAAG (0,19%), Endiama (0,08%), TCUL (0,08%), Cerval (0,08%), Angola Telecom (0,08%) e Bolama (0,01%).

Continue Reading
Advertisement
1 Comment

1 Comment

  1. Avatar

    Claudio vicente

    09/05/2020 at 2:39 pm

    Se,se vai privatizar o bci caso isso acontecer, como fica o crédito bué? visto que terá novos accionistas no referido banco.. porque esse crédito está a criar muitos impasses nas pessoas que aderiram impossibilitando assim de fazer um outro crédito…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *