Connect with us

TRANSPORTES

ICAO reconhece “empenho” e “investimentos” do governo no sector da aviação angolana

Published

on

O reconhecimento vem expresso numa carta assinada pelo Secretário Geral da ICAO, Juan Carlos Salazar, endereçada ao Ministro dos Transportes, em que “reconhece e aplaude o empenho, o esforço e o investimento que o Governo angolano tem vindo a fazer na modernização do sector da aviação civil”.

A Organização da Aviação Internacional (ICAO), através do seu Secretário Geral, endereçou ao Ministro Ricardo Viegas D’Abreu uma carta na qual reconhece e aplaude o trabalho que o Governo de Angola, através do Ministério dos Transportes, tem vindo a realizar com vista à modernização e eficiência do seu sector da aviação civil.

“A ICAO aplaude o esforço, o investimento e empenho que o Governo de Angola tem dedicado à modernização e à capacitação da aviação civil nos últimos anos. Destaco os investimentos feitos na infra-estrutura aeroportuária, na melhoria das operações e da formação profissional da sua companhia aérea, na reestruturação da prestação de serviços de navegação e do serviço meteorológico, que evidenciam a vontade contínua de aprimorar a qualidade dos serviços prestados e a ligação a destinos prioritários do mercado global”, sublinha Juan Carlos Salazar.

Na mesma carta este responsável informa que a ICAO está disponível para continuar a apoiar Angola no domínio supervisão e da segurança, com vista a que o país se assuma como um importante centro de aviação em África. “A nossa organização está empenhada em apoiar Angola através da assistência prestada pelo nosso Gabinete de Cooperação Técnica e pelo Escritório Regional da África Oriental, em Nairobi. Estamos confiantes, pois, à medida que esta colaboração prossegue, a indústria, os sistemas de supervisão e o alargamento da conectividade a outros destinos a partir de Angola continuarão a elevar a sua posição enquanto um dos mais importantes centros de aviação em África”.

Para Ricardo Viegas d’Abreu a posição da ICAO, expressa directamente pelo seu Secretário Geral, representa um voto de confiança no trabalho em curso e abre portas para que os resultados da próxima auditoria de segurança a realizar pela organização em Angola venham a ser positivos.

“Depois de ter reunido com os responsáveis máximos da ICAO na sua 41ª Assembleia Geral, recentemente realizada no Canadá, estou certo de que esta é uma parceria que em muito contribui para a melhoria da nossa aviação civil e para a posicionar como uma das mais respeitadas em África. E estou muito confiante nos resultados que iremos receber da auditoria de segurança a realizar pela ICAO em Dezembro e da qual conheceremos os resultados finais em Março de 2023. Basicamente, acreditamos que com parceiros destes, para a frente é o caminho”, enfatiza o Ministro dos Transportes.

Colunistas