Connect with us

Sociedade

Huambo: Governo preocupado com aumento de casos de Meningite

Published

on

A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, mostrou-se, nesta quinta-feira, preocupada com o aumento de casos de Meninginte na provincia do Huambo, que atinge principalmente crianças e adolescentes.

Segundo a ministra ministra, que trabalhou nesta quinta-feira no planalto central, tem-se assistido um aumento de casos de meningite em crianças e adolescentes com idades inferior a 15 anos.

Os técnicos de saúde da província do Huambo, em termo de vigilância epidemiológica, identificaram e notificaram alguns casos existentes, como sendo meningite bacteriana.

“Esteve uma equipa multidisciplinar durante 15 dias. Estamos cá outra vez para avaliação clínica e profunda dos casos fazer uma busca activa, reforçar a vigilância epidemiológica, laboratorial e também um pacote de formação para os técnicos em vigilância epidemiológica, técnicas de colecta e conservação de amostras necessárias básicas, formação do manuseamento de casos”, referiu a ministra.

“Alguns dos agentes causadores da meningite, em alguns casos, são bactérias respiratórias e há vacinas para tratar e prevenir esta doença”, reforçou a ministra que anunciou a realização da campanha para que as crianças sejam vacinadas.

Durante a sua estada no planalto central, Sílvia Lutucuta visitou o Hospital Geral, Hospital Sanatório, Hospital Municipal do Huambo, Centro de Saúde do Lossambo, Hospital Municipal da Caála, Centro de Saúde da Centralidade da Caála, Depósito de Medicamentos da Província e o Hospital Municipal de Cambiote.

Acompanharam a titular do sector da Saúde l, nesta visita a representante da Organização Mundial da Saúde em Angola, Djamila Cabral, directora Nacional de Saúde Pública, Helga Freitas, directora Nacional dos Hospitais, Jovita André, técnicos do Instituto Nacional de Investigação em Saúde e da Organização Mundial da Saúde.