Connect with us

Desporto

Hamilton (Mercedes) vence GP do México e fica a um passo do título

administrador

Published

on

hamilton (mercedes) vence gp do méxico e fica a um passo do título - Hamilton Mercedes - Hamilton (Mercedes) vence GP do México e fica a um passo do título

O piloto britânico Lewis Hamilton da escuderia Mercedes ganhou neste domingo o Grande Prêmio do México de Fórmula 1, no Autódromo Hermanos Rodríguez da capital mexicana, mas ainda não conseguiu confirmar seu sexto título mundial.

Hamilton terminou na frente do alemão Sebastien Vettel (Ferrari) e do finlandês Valteri Bottas (Mercedes), que manteve viva a luta pelo Campeonato Mundial de pilotos já que está a 74 pontos da liderança.

Após a 18ª corrida da temporada, Hamilton lidera a classificação com 363 pontos seguido por Bottas, que tem 289, e com um calendário que ainda tem 78 pontos a serem disputados em três GPs: Estados Unidos, Brasil e Abu Dabi.

Lewis Hamilton conseguiu a vitória de número 83 de sua carreira e a segunda no México. A última havia sido em 2016.

“Foi um resultado incrível”, reagiu Lewis Hamilton que entrou bem cedo (23ª volta) nos boxes para colocar pneus duros, o que o fez questionar a estratégia da Mercedes e o obrigou a uma longa recuperação para tentar ultrapassar as Ferrari, que haviam largado na primeira fila no grid.

“Foi uma corrida difícil mas conseguimos voltar”, acrescentou ele em um GP em que as Mercedes não eram tidas como favoritas diante das Ferrari e as Red Bull que não conseguiram ir além do quinto lugar de Alexander Albon e sexto de Max Verstappen.

– Pesadelo de Verstappen –

hamilton (mercedes) vence gp do méxico e fica a um passo do título - e3de84307a31ba4cd0c23cb849bbebf5126368a1 - Hamilton (Mercedes) vence GP do México e fica a um passo do título

Vertappen, que largou em quarto, encostou na primeira curva em Hamilton o que o fez sair para a grama, e depois seu pneu furou depois de tocar em Bottas.

O GP do México foi caótico para o holandês que já havia sido punido no sábado pelos comissários, perdendo a pole position por não ter freado no acidente de Bottas quando os dois lutavam pelo melhor tempo.

O monegasco Charles Leclerc (Ferrari) não soube aproveitar a pole que ficou com ele e perdeu a sua vantagem devido às duas paradas que fez nas voltas 15 e 44.

Apesar do ímpeto que mostrou no último terço da prova e de registrar a volta mais rápida, Leclerc pagou caro a decisão de ir duas vezes aos boxes e não conseguiu subir ao pódio.

“A estratégia de uma parada era a lógica, a correta”, admitiu Mattia Binotto, chefe da Ferrari.

Depois das primeiras 20 voltas, a luta pela vitória ficou entre Ferrari e Mercedes: Vettel na frente de Hamilton e Bottas e de seu companheiro Leclerc.

Na metade da corrida, Vettel e Bottas, que não haviam decidido parar nos boxes até então, iam na frente; o alemão tinha cerca de cinco segundos de vantagem sobre o finlandês.

Bottas acabou parando na volta 37 e Vettel na 38ª; Leclerc e Hamilton assumiram a primeira e a segunda posição.

O monegasco teve que fazer a troca novamente e assim o britânico tomou a dianteira até o fim apesar da perseguição de Vettel.

O próximo Grande Prêmio é o dos Estados Unidos no domingo, 3 de novembro. Hamilton vai precisar apenas marcar quatro pontos a mais do que Bottas para se sagrar hexacampeão.

O GP do México “é uma corrida que eu queria vencer”, destacou o britânico ovacionado pelo público do Autódromo Hermanos Rodríguez.

– Classificação oficial do Grande Prêmio do México:

1. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) os 305,354 km em 1h36:48.904

2. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) a 1.766

3. Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) 3.553

4. Charles Leclerc (MON/Ferrari) 6.368

5. Alexander Albon (TAI/Red Bull-Honda) 21.399

6. Max Verstappen (HOL/Red Bull-Honda) 1:08.807

7. Sergio Pérez (MEX/Racing Point-Mercedes) 1:13.819

8. Daniel Ricciardo (AUS/Renault) 1:14.924

9. Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso-Honda) 1 volta

10. Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso-Honda) 1 volta

11. Nico Hülkenberg (ALE/Renault) 1 volta

12. Lance Stroll (CAN/Racing Point-Mercedes) 1 volta

13. Carlos Sainz Jr (ESP/McLaren-Renault) 1 volta

14. Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo Racing-Ferrari) 1 volta

15. Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari) 2 voltas

16. George Russell (GBR/Williams-Mercedes) 2 voltas

17. Romain Grosjean (FRA/Haas-Ferrari) 2 voltas

18. Robert Kubica (POL/Williams-Mercedes) 2 voltas

Volta mais rápida: Charles Leclerc (MON/Ferrari) 1:19.232 na 53ª (média: 263,212 km/h)

Mundial de pilotos:

1. Lewis Hamilton (GBR) 363 pts

2. Valtteri Bottas (FIN) 289

3. Charles Leclerc (MON) 236

4. Sebastian Vettel (ALE) 230

5. Max Verstappen (HOL) 220

6. Pierre Gasly (FRA) 77

7. Carlos Sainz Jr (ESP) 76

8. Alexander Albon (TAI) 74

9. Sergio Pérez (MEX) 43

10. Daniel Ricciardo (AUS) 38

11. Nico Hülkenberg (ALE) 35

12. Lando Norris (GBR) 35

13. Daniil Kvyat (RUS) 34

14. Kimi Räikkönen (FIN) 31

15. Lance Stroll (CAN) 21

16. Kevin Magnussen (DIN) 20

17. Romain Grosjean (FRA) 8

18. Antonio Giovinazzi (ITA) 4

19. Robert Kubica (POL) 1

Mundial de construtores:

1. Mercedes 652 pts

2. Ferrari 466

3. Red Bull-Honda 341

4. McLaren-Renault 111

5. Renault 73

6. Toro Rosso-Honda 64

7. Racing Point-Mercedes 64

8. Alfa Romeo Racing-Ferrari 35

9. Haas-Ferrari 28

10. Williams 1

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (16)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (18)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (71)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (11)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

Publicação