Connect with us

Mundo

Hamas aceita plano de cessar-fogo em Gaza

Published

on

O grupo islamita Hamas respondeu positivamente a um plano de cessar-fogo em Gaza e à libertação de reféns israelitas, anunciou esta terça-feira, 06, o primeiro-ministro do Qatar, Mohammed bin Abdulrahman Al-Thani.

Segundo o ministro dos Negócios Estrangeiros do Qatar, numa conferência de imprensa em Doha, com o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, o Hamas emitiu uma declaração onde afirmou que respondeu à proposta de cessar-fogo, mas Al-Thani limitou-se apenas a dizer que tinha sido uma “resposta positiva”.

“Ainda há muito trabalho a ser feito, mas continuamos a acreditar que um acordo é possível e, de facto, essencial”, disse responsável.

Na última semana, representantes de Israel, dos Estados Unidos, do Egipto e do Qatar alcançaram em Paris uma proposta de acordo para uma nova trégua entre Israel e o movimento Hamas, desde 2007 no poder na Faixa de Gaza, que inclui uma troca de reféns por prisioneiros palestinianos.

Esse projecto de acordo foi de imediato transmitido à liderança do Hamas, que esteve até agora a analisá-lo, sinalizando hoje positivamente.

O conflito israelo-palestino começou em 07 de Outubro de 2023 com um ataque surpresa do Hamas a Israel. Desde então, o número de mortos passa dos 12,4 mil. No total, são 11.261 palestinianos assassinados e 1.200 vítimas israelenses.