Connect with us

Mundo

Guarda Costeira italiana resgata mil imigrantes em 48 horas no Mediterrâneo

Published

on

Cerca de mil imigrantes foram resgatados durante as últimas 48 horas em 13 operações em águas do Mediterrâneo central, informou esta segunda-feira à Agência Efe a Guarda Costeira da Itália.

Realizaram-se durante sábado sete operações de resgate, com cerca de 400 pessoas socorridas, enquanto no domingo foram mais de 500 os imigrantes salvos por embarcações da Guarda Costeira, da Marinha italiana, do dispositivo da Frontex, ONGs e um navio mercante.

A estes resgates somam-se operações que ocorrem neste momento na região por conta do naufrágio de um barco no qual, por enquanto, foi registada a morte de uma mulher de 25 anos, segundo comunicou a ONG espanhola Proactiva Open Arms no seu perfil do Twitter.

Outra organização humanitária que opera no Mediterrâneo central, a Sos Mediterranèe, junto com a Médicos sem Fronteiras, atracou esta manhã no porto de Trapani, na ilha italiana da Sicília, para desembarcar 537 pessoas, entre elas 85 mulheres, quatro delas grávidas, três recém-nascidos e 125 menores.

Por outro lado, a Guarda Costeira da Líbia recuperou ontem em águas do Mediterrâneo os corpos de 11 pessoas e resgatou outras 80 a 16 milhas náuticas das praias de Sabratha.

Em 2018 foram resgatados até agora 7.814 imigrantes no Mediterrâneo central, número 84,84% menor do que o registado no mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados pelo Ministério do Interior de Itália na última sexta-feira.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *