Connect with us

Mundo

Governo são-tomense aprova taxa de entrada de 20 Euros à todos cidadãos estrangeiros que visitam o país

Published

on

O governo são-tomense acaba de aprovar um decreto para pagamento a partir de 01 de junho de uma taxa de entrada de 500,00 dobras ( cerca de 20 Euros )  para todos os cidadãos estrangeiros que visitam arquipélago  e que estão isentos do visto de entrada no País, anunciou segunda-feira o ministro da Presidência, Wuando Castro.

Castro que detém ainda pelouros do Conselho de Ministros, Novas Tecnologias e Assuntos Parlamentares, disse que a decisão saiu da última reunião do Conselho de Ministros, presidida por Primeiro-Ministro, Jorge Bom Jesus.

“Nesta sessão do Conselho de Ministros foi aprovado o decreto que estabelece pagamento de uma Taxa de entrada no País, no valor de 500,00 dobras, para todos os cidadãos estrangeiros que visitam São Tomé e Príncipe e que estão isentos do visto de entrada, a ser implementado a partir do dia 1 de junho de 2022”, disse Wuando Castro, citado pela Agência STP- Press.

O governante explicou que “o valor desta taxa servirá para cobrir uma parte das despesas de funcionamento das Representações Diplomáticas do arquipélago no exterior e para o reforço das verbas de investimento em alguns sectores da aviação civil”

O ministro anunciou também que o governo aprovou ainda “alteração ao decreto 8/2017, com a introdução do Reino Unido na lista dos países cujos cidadãos estão isentos de visto de entrada em estadias inferiores a 15 dias em São Tomé e Príncipe”.