Connect with us

Sociedade

Governo e centrais sindicais sem consenso em relação a aumento do salário mínimo

Published

on

As centrais sindicais e Governo angolano ainda não chegaram a um acordo sobre os aumentos do salário mínimo e outros pontos constantes no caderno reivindicativo.

No final de mais uma ronda negocial realizada em Luanda, o porta-voz dos sindicalistas, Teixeira Cândido, afirmou que o governo trouxe à mesa as mesmas propostas rejeitadas anteriormente pelos representantes dos trabalhadores.

Entretanto, António Stote, do Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, reiterou a disponibilidade do Governo para continuar a negociar.

Dentre as solicitações dos trabalhadores constantes no Caderno Reivindicativo entregue ao Presidente da República, no dia 05 de Setembro de 2023, consta o reajuste salarial na ordem dos 250%, tendo os trabalhadores cedido para 100%, que está em análise por parte do Governo.

Em relação ao aumento do salário mínimo nacional para 245 mil kwanzas, as centrais sindicais recuaram para 100 mil kwanzas. Entretanto, o Governo quer o salário mínimo em função da dimensão da empresa.

A primeira fase da greve, decorreu de 20 a 22 de Março, mantendo, em obediência à Lei, o funcionamento dos serviços mínimos.

Caso o governo não atenda às exigências da classe trabalhadora, a greve deverá entrar na segunda fase, de 22 a 30 de Abril próximo. A terceira fase da grave, de acordo com o cronograma, está agendada para o período que vai de 3 a 14 de Junho do corrente ano.

Continue Reading
5 Comments

5 Comments

  1. Luís Mota

    11/04/2024 at 8:35 am

    Por favor mas o k e isto de ordenados pela dimensão da empresa, isso e o mesmo k dizer para fechar as pekenas e medias empresas isso a meu ver e crime, aki so tem uma solução e o aumento acima de 100 mil, porke as empresas podem para isso e os patrões k ameacarem com despedimento coletivo, o estado deve lhes fechar as portas e prender esses indivíduos

  2. Rosa Maria Sousa

    11/04/2024 at 9:36 am

    Caros Prezados,
    Este acordo não beneficia em nada a classe trabalhista. Uma vez que a proposta foi de 250mil kz salário mínimo,as empresas estão SIM capacitadas para pagar tal valor ao funcionários. Agora, uma vez que firam feitas outras negociações o valor mínimo deveria ser 180mil ok. Quando você quer fazer um reajuste salarial tem de levar em conta o valor da Cesta_Básica, Educação, Hospital, Renda e transporte. Tem de haver empatia e condescendência para com o povo. O Governo tem de fazeres reajustes salariais para suprimir pelo menos as necessidades básicas de uma vivência decente, começando por baixar os preços dos alimentos e produtos essenciais, e melhorar a qualidade de vida dos angolanos.

    • Zebedeu Dinis jurante João

      11/04/2024 at 11:41 am

      Saudações caríssimos.

      É muito importante que o governo vê a situação em que a população tem passado nos últimos tempos nas sua vivência do dia-dia.

      Aque se fazer um reparo no seu todo de quanto é que o cidadão tem feito com os gastos neste caso.

      Vamos todos nós em particular fazer um exercício de de quanto tem gastado mensalmente.

      Um cidadino estudante universitário

      Uma família de dois elementos.

      Uma família de três elementos.

      Uma família de quatro elementos.

      Vamos fazer um cálculo de quanto tempo feito os seus gastos mensais.

      Vamos citar os pontos insecial.

      1 alimentação duas a três refeições Por dia.
      2 saúde.
      3 educação.
      4 gastou extras de casa como, energia elétrica, gás, parabólica 📡 transporte diário, água para o consumo.

      5 vestuário, creme, perfume, roll on (Moo) e alguns acessórios como relógio e cinto Etc.

      Renda de casa porque eu acredito que 70% da população angolana não tem casa própria.

      Se tiver a faltar por favor 🙏 agradeço em acrescentar.

      • Hélio João

        11/04/2024 at 1:59 pm

        Tens de entender que se o salário mínimo for o 100.000 mil kwanzas, vai ter de pagar 100.000 kz a sua empregada…

  3. Kangamba

    11/04/2024 at 3:49 pm

    Boa tarde EU digo assim que senti e aquele que stala la nao aquele qui nao ta la

    O nosso governo nao senti nada qui a populacao senti.

    O governo Angolano primeiro deve te amor auproximo dos angolanos pra qui ele sentem o qui Angolano passa

    Assim o indicato pode fala do salario minimo, mesmo um milhao o nosso governo Vai paga ou Vai engigi pagar esse salario.

    Porqui tem amor auproximo, sentem o qui ta acontece com a populacao

    Agora um salario minimo de 245.000kz Angola ta em condicoes de paga.

    EU digo assim da forma qui o Angola tamos a viver com esse salario de 35.000kz o base isso nao e vive governo podia ter vergonha

    Nao podia discuti

    EU no meu a ve o salario minimo de Angola podia ser no maximo um milhao de kz o base

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *