Connect with us

Politica

Governo do Bié considera Adérito Jaime Fernandes como exemplo de patriotismo

Published

on

Em nota do Governo Provincial do Bié assinada pelo seu governador, Pereira Alfredo, diz que foi com extremo pesar, que o governo daquela província, tomou conhecimento do passamento físico do deputado Adérito Jaime Fernandes Kandambo, ocorrido, nesta segunda-feira, 18, na cidade do Cuito, vítima de doença.

Na mesma nota, o governo do Bié considera o desaparecimento físico do deputado Adérito Kandambo, uma “perda inrreparável para a província do Bié, cujo exemplo de patriotismo ficará guardado para sempre”.

“Neste momento de profunda dor e tristeza, em nome da sua memória e em nome dos membros do governo da província do Bié e no meu próprio, endereço as mais profundas condolências à família enlutada, ao partido UNITA e à Assembleia Nacional”, diz a nota.

“Militante consequente e de convicções profundas”

Em nota do Grupo Parlamentar da UNITA a que tivemos acesso, o maior partido na oposição em Angola, diz que foi com profunda dor e consternação que tomaram o conhecimento da morte do deputado e Secretário Provincial da UNITA no Bié, Adérito Jaime Fernandes Kandambo.

Segundo o documento, o ex-parlamentar foi um quadro exemplar que exerceu com brio a sua missão enquanto representante do povo na casa das Leis, defendendo os interesses dos cidadãos, denunciando anomalias dos gestores públicos e sempre a seu jeito mobilizando e galvanizando as populações por ele visitadas.

Para a UNITA, o então secretário provincial da UNITA no Bié, foi um “militante consequente e de convicções profundas”, enfatizou e sublinha que, Adérito Jaime Fernandes Kandambo, “colocou-se sempre na linha da frente da dinâmica do Grupo Parlamentar, no contacto com os cidadãos, pelo que com a sua partida prematura há-de fazer imensa falta”.

A nota de condolências finaliza dizendo que “é nesta hora de dor e luto que o Grupo Parlamentar da UNITA, em nome dos seus deputados, assessores e funcionários, endereça à família enlutada, ao núcleo de deputados do círculo provincial e ao secretariado provincial da UNITA do Bié, os “seus mais sentidos pêsames e paz à sua alma”.