Connect with us

eleições

Governo disponibiliza KZ 880 milhões extraordinário aos partidos legalizados

Published

on

O governo angolano vai desembolsar uma quantia de 80 milhões Kwanzas para financiamento extraordinário a cada um dos 11 partidos legalizados pelo Tribunal Constitucional (TC), informou, hoje, o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, que falava em Luanda na reunião com as formações políticas, visando às eleições de Agosto próximo.

Segundo o governante, as verbas servirão para o reforço financeiro dos partidos antes das eleições gerais de Agosto próximo.
Adão de Almeida explicou que, este dinheiro não têm nada a ver com o financiamento para a campanha dos partidos nas eleições, que é atribuído através de outros mecanismos legais existentes.

O ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República fez tais considerações durante o encontro com os responsáveis dos partidos políticos, que serviu para esclarecer sobre o andamento do processo de registo eleitoral oficioso, tendo esclarecido que esse financiamento extraordinário vem descrito na Lei de Financiamento dos Partidos políticos e pode ser disponibilizado em ano eleitoral.

Adão de Almeida disse que o titular do poder Executivo aprovou e definiu para cada partido político legalizado, pelo Tribunal Constitucional (TC), o direito de receber 80 milhões de Kwanzas, que multiplicando para o total de 11 formações actualmente legalizadas, perfaz o total de 880 milhões de Kwanzas.