Connect with us

Politica

Governador de Luanda fala sobre obras para minimizar impactos das chuvas na capital

Published

on

Luanda teve um fim-de-semana chuvoso e, junto com as quedas pluviométricas, os antigos problemas da capital ressurgem, causando mortes, alagamentos, desabamentos de árvores, cortes de energia eléctrica, dentre outras situações. Em resposta, o Governador da Província de Luanda, Manuel Homem, informou aos cidadãos que o GPL tem em curso obras para minimizar tais impactos.

“Temos estado a implementar um programa de limpeza das grandes valas de drenagem da província para permitir que as chuvas possam cair e tenhamos menos estragos, por consequência das quedas pluviométricas”, disse, à TV Zimbo, neste domingo, 27, à saída de uma cerimónia religiosa. 

Manuel Homem comentou ainda a morte de um menino, de 14 anos, na vala aberta devido as obras de requalificação da 7ª Avenida, no Cazenga: “desde já queremos estender a nossa solidariedade à família, em consequência dos jovens estarem a utilizar o espaço de uma obra que está em curso na 7ª Avenida e, infelizmente, acabou por perecer. Foi uma situação que o Governo da Província de Luanda logo que tomou conhecimento orientou a Administração do Cazenga a prestar todo apoio à família”.

“É uma situação que nos últimos dias temos vindo a tratar que são as obras de construção da 7ª Avenida”, avançou, e disse ainda que está “a trabalhar para que no programa de requalificação das valas das macro drenagens de Luanda possamos, com os especialistas, encontrar uma solução que visa permitir cobrir e também assegurar que essa manutenção, no futuro, quando elas tiverem num outro formato, possa a ser realizada com segurança”. 

Também no Cazenga, uma árvore caiu sobre uma casa causando a morte de uma jovem. No Rangel “tivemos uma morte por electrocução, no qual prestamos nossas condolências à família”, disse, o governador.

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como editora do portal Correio da Kianda.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas