Connect with us

Destaque

General Pedro Neto e seu sucessor, Artur Silva “congelados” pelos meliantes na África do Sul

Published

on

Em plena acções e movimentações da reunião da CAF, em Joanesburgo, África do Sul, o actual presidente da FAF, Artur Almeida e Silva e o seu antecessor, General Pedro de Morais Neto “Pedro Neto”, foram vítimas de assalto na capital dos Bafana Bafana. Acção que deixou os dirigentes angolanos em “estado de choque” e suspiros de lamentos por falta de segurança na realização e acompanhante dos participantes.

Segundo a fonte do Correio da Kianda, chegada ao hotel, os dirigentes em questão foram abordados por um grupo de indivíduos armados até aos dentes, com armas de fogo e armas brancas. Além dos meliantes levarem todos os haveres dos dirigentes angolanos, ainda molestaram “agressivamente” o actual presidente da FAF, Artur de Almeida e Silva. Apesar deste triste episodio, o presidente da FAF lamenta o sucedido, afirmando que encontram-se bem e aguardam por contactos com a representação diplomática de Angola e autoridades sul-africanas para “apanharem” os respectivos meliantes e a justiça seja feita por lado.

Por outro, os dirigentes angolanos aguardam os contactos para o regresso ao país, visto que a intervenção da Embaixada angolana naquele país é de extrema importância, porque, os dirigentes ficaram sem os seus respectivos passaportes. E, assim dificulta-os o seu regresso ao país.

Estas afirmações foram confirmadas pelo respectivo presidente da FAF. Artur Almeida, quando falava neste Domingo ao programa desportivo a tarde da Radio 5 da RNA, onde manifestou o mesmo manifestou também, a sua consternação pelos incidentes do Uíge que vitimaram até as últimas informações oficiais 17 pessoas que pretendiam assistir ao jogo Santa Rita de Cássia -Libolo para 1ª Jornada do Girabola 2017.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Advertisement

Colunistas

© 2017 - 2022 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD