Connect with us

Mundo

Fundos para ajudar Kiev vão terminar em breve, alerta Casa Branca

Published

on

A Casa Branca alertou hoje que os Estados Unidos têm fundos para apenas mais um pacote de ajuda à Ucrânia este ano, enquanto o Congresso norte-americano continua a bloquear um novo apoio militar a Kiev.

“Só nos resta um envelope de ajuda” antes que os fundos dedicados à Ucrânia esgotem, sublinhou o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional norte-americano, John Kirby.

Este responsável recusou-se a especificar o montante deste novo pacote de ajuda, que é esperado durante o mês de Dezembro.

O Congresso dos Estados Unidos comprometeu-se com mais de 110 mil milhões de dólares, desde que a invasão russa começou em Fevereiro de 2022, mas os congressistas republicanos estão a bloquear um importante pacote de ajuda, exigindo grandes mudanças na política de migração dos EUA, incluindo medidas mais rígidas na fronteira com o México.

Poucos dias antes da pausa nos trabalhos no Congresso, os legisladores aprovaram um orçamento de defesa para 2024, libertando assim 300 milhões de dólares para Kiev, um montante mínimo em comparação com os 61 mil milhões de dólares solicitados pela Casa Branca.

Kirby instou o Congresso a “agir sem demora” para evitar o fim do envio de ajuda: “É claramente do nosso interesse nacional e a nossa ajuda é essencial para que a Ucrânia possa continuar a sua luta pela liberdade”.

O Presidente Joe Biden “está preparado para negociar de boa-fé e com compromisso”, garantiu ainda Kirby, apontando que o executivo norte-americano está a negociar com membros do Congresso sobre a segurança das fronteiras e sobre o financiamento à Ucrânia e Israel.

A chamada “Lei de Autorização de Defesa Nacional”, num valor equivalente a 805,8 mil milhões de euros — que se aplica ao atual ano fiscal, que começou em 01 de outubro -, foi aprovada na quinta-feira na Câmara dos Representantes (câmara baixa), depois de ter recebido luz verde do Senado na quarta-feira.

A iniciativa foi aprovada após meses de intensas negociações entre democratas e republicanos.

O orçamento inclui um aumento salarial de 5,2% para os militares, assim como fornece o financiamento necessário para os diferentes programas do Pentágono.

Com agências internacionais