Connect with us

Mundo

Fundação Merck e Primeira Dama de Moçambique anunciam Prémio de Jornalismo ‘Fique em Casa’

A Fundação Merck marca o Dia Mundial da Saúde em conjunto com a Primeira Dama de Moçambique para aumentar a conscientização sobre o Coronavírus

Published

on

A Fundação Merck, o braço filantrópico da Merck KGaA Alemanha, juntamente com a Primeira Dama de Moçambique, S.Exª. Dra. ISAURA FERRÃO NYUSI, anunciaram o convite à apresentação de candidaturas para o Prémio de Jornalismo ‘Fique em Casa” em Moçambique e resto de África. O tema dos prémios é ‘Aumentar a conscientização sobre como manter-se seguro, física e mentalmente saudável durante o isolamento devido Coronavírus’.

Rasha Kelej, CEO da Merck Foundation, explica: ” É assim que comemoramos o Dia Mundial da Saúde. O Prémio de Jornalismo “Fique em Casa” incentivará a mídia a sensibilizar as nossas comunidades.

Aumentar a conscientização sobre o coronavírus  em nossas comunidades contribuirá para apoiar os profissionais de saúde que estão na vanguarda da resposta ao COVID-19 ”

“Este período conturbado devido à pandemia do coronavírus é difícil para todos – tanto física quanto mentalmente. Enquanto a maioria dos países está sob isolamento total ou com restrições de circulação, as pessoas não sabem como lidar com essa situação. O Distanciamento Social é a nossa Responsabilidade Social e a única maneira de matar o Coronavírus, no entanto, será preciso muita coragem e disciplina para praticá-lo. Cuidar bem da sua saúde mental e física é importante durante esse período. Por isso, decidimos criar esses prémios para a gratificação de jornalistas que estejam a conscientizar da maneira mais eficaz e criativa sobre como manter-se seguro, física e mentalmente saudável ​​durante esta fase”, acrescentou a Dra. Rasha Kelej.

Os prémios estão abertos a todos os jornalistas de imprensa, das plataformas online, rádio e multimídia de Moçambique e outros países africanos de línguas portuguesa, inglesa, francesa, portuguesa e árabe. Os trabalhos jornalísticos mais criativos e influentes, com o objectivo de conscientizar e sensibilizar as comunidades sobre esse tópico alarmante regularmente, serão elegíveis para essas premiações.

A Fundação Merck estenderá os prémios para incluir países do Médio Oriente, da América Latina e da Ásia nos próximos dias para envolver todos os jornalistas ao Sul do globo.

“Como a maioria das pessoas está confinada em suas casas, elas passam muito tempo a ler e ouvir notícias em diferentes plataformas. Profissionais de mídias é Vossa hora de ajudarem as pessoas a cuidarem bem da sua saúde mental e física durante esses momentos conturbados, através de vossos trabalhos criativos, informativos e motivadores. Vocês podem orientá-los a se ajustarem à sua nova e diferente rotina e ritmo de vida”, enfatizou Rasha Kelej.

Pormenores dos Prémios de Jornalismo “Fique em Casa” da Fundação Merck

Quem pode candidatar-se:

Jornalistas de Imprensa, Plataformas Online, Rádio e Multimídia de Países Africanos de Língua Inglesa, Francesa, Portuguesa e Árabe.

Última data de submissão:

As inscrições podem ser submetidas até 30 de Junho de 2020

Como candidatar-se:

As inscrições podem ser submetidas por Email: [email protected]

Com os dados pessoais (incluindo o Nome, Género, País, Casa da Mídia, endereço electrónico & Número do Telemóvel) e inscrição como anexo

Categorias e Prémio em Dinheiro:

Categoria TV Rádio Imprensa Online
Prémio em Dinheiro

(até)

USD 500 USD 500 USD 500 USD 500


Conteúdo distribuído pela APO Group em nome da Merck Foundation.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *