Connect with us

Mundo

FMI projecta inflação de 1.000.000% na Venezuela

Published

on

O Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu a projeção de crescimento da economia da América Latina de 2% para 1,6% em 2018 .

A previsão mais otimista era a de abril. O órgão afirmou que a atividade econômica da região vai continuar sua recuperação, mas em um quadro ainda de dificuldades. A perspectiva de crescimento em 2019 também foi revisada, de 2,8% para 2,6%. A América Latina cresceu 1,3% no ano passado.

“Embora o crescimento tenha sido acelerado em alguns países, a recuperação tornou-se mais dura para algumas das principais economias por causa de pressões do mercado em um nível global, amplificadas por vulnerabilidades específicas dos países”, afirma Alejandro Werner, diretor do Departamento de Hemisfério Ocidental do FMI.

Caso mais grave é o da Venezuela, que enfrenta “profunda crise econômica e social”. O PIB real do país de Nicolás Maduro deve encolher 18% neste ano e 5% em 2019, com queda forte na produção de petróleo, em um quadro de “grandes desequilíbrios macroeconômicos”, diz o FMI. Além disso, o fundo projeta inflação de 1.000.000% no fim de 2018. O fundo prevê também a disseminação de efeitos negativos do quadro venezuelano em países vizinhos, sem entrar em detalhes.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *