Connect with us

Lifestyle

Fineza Teta leva cultura da Lunda Cokwe ao Dubai

Published

on

Quinze obras, da autoria da artista plástica angolana Fineza Teta, estão expostas, desde esta terça-feira, 16, até o dia 26 do mês em curso, na Expo Dubai, Emirados Árabes Unidos.

As obras, que retratam a cultura dos povos Lunda Cokwe, comportam pintura, instalação e escultura.

Em declarações à Angop, a propósito da sua participação no evento, que contará também com a participação de mais profissionais nacionais, a artista manifestou-se satisfeita pela oportunidade que tem para mostrar a cultura de Angola no exterior.

O pavilhão de Angola ocupa uma área de 2.300 metros quadrados, possui um formato de Sona (desenhos de área), típicos do povo Lunda Cokwe.

O espaço, saliente-se, procura realçar uma Angola contemporânea pelas obras dos artistas Paulo Kussy, Daniela Ribeiro, Finesa Teta, Cristiano Mangovo e Guizef Zeferino.

Uma variedade de apresentações da música, pintura, gastronomia e educação do país está preparada para exibição no pavilhão, cujo evento decorre de 1 de Outubro de 2021 a 31 de Março de 2022.

Lamentou o actual momento das artes no país, face às dificuldades que os artistas no geral atravessam, resultante da falta de apoio das instituições de direito e da classe empresarial.

Fineza Teta encorajou os demais artistas muita persistência, defendendo a criação de mecanismos que adaptem o actual contexto.

O povo Côkwe é uma etnia bantu que se concentra sobretudo no nordeste de Angola.

Por Angop 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Colunistas