Connect with us

Fama

Festival de Cannes proíbe selfies na passadeira vermelha

Published

on

O Festival de Cannes decidiu proibir as selfies nos glamorosos desfiles na passadeira vermelha que precedem a projeção dos filmes mais esperados de cada edição, segundo anunciou o seu diretor geral, Thierry Frémaux.

Há três anos, Frémaux pediu publicamente que as estrelas e convidados que passassem pela passadeira vermelha não se juntassem a esse hábito “extremadamente ridículo e grotesco”, que além disso atrasava o rigoroso horário da organização.

Frémaux lamentou então que quem passava pela passadeira parasse a cada dois metros “para tirar uma foto de si próprio”, mas dado que a sua recomendação não teve o efeito desejado, agora decidiu proibir esta prática, segundo apontou o responsável de Cannes numa entrevista publicada hoje pela revista “Le Film Français”.

“Na passadeira vermelha, a trivialidade e o esfriamento provocado pela desordem que causa a prática das selfies prejudica a qualidade da subida das escadas e, portanto, o festival na sua globalidade”, explica o responsável de Cannes.

Daí que nesta 71ª edição do evento mais famoso do mundo, que será realizado de 8 a 19 de maio, já não se poderá repetir a habitual cena de convidados a tirar uma selfie enquanto se multiplicam os flashes dos fotógrafos credenciados.

Esta edição vai contar com mais novidades, tal como a antecipação do seu começo em um dia (terça-feira) para que os prémios sejam entregues no sábado e não no domingo, como até agora, o que dará mais visibilidade à gala.

Além disso, o festival vai eliminar os passes para a imprensa e público antes da estreia dos filmes durante a noite, de modo a que essa projeção de gala, precedida pelo desfile pela passadeira vermelha, seja a estreia mundial do filme. “Assim o suspense será total”, afirma Frémaux.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *