Connect with us

Sociedade

Falso agrónomo detido em Malanje após ter burlado vinte milhões de kwanzas

Published

on

Um cidadão foi detido pelo Serviço de Investigação Criminal em Malanje, em sequência investigativa, depois de em 2020 ter burlado um empresário do ramo agrícola, proprietário de uma fazenda, no município de Kiwaba-Nzoji, província de Malanje.

A  detenção do falso agrónomo, segundo avançou ao Correio da Kianda, o Chefe da Área de Comunicação Institucional e Imprensa do SIC em Malanje, Inspector-Chefe Augusto Barros André, ocorreu após denúncia do empresário lesado, junto das autoridades locais.

Na altura dos factos, no ano de 2020, o acusado, que atende pelo nome de Luís Gonçalves Franco, casado,  de 43 anos de idade, identificou-se como técnico agrónomo, e que entendia do fabrico de estufa, cuja a finalidade era o de preparar sementes.

Convencido com as habilidades apresentadas, o empresário celebrou um contrato com o suposto falso agrónomo, tendo entregue na altura, a este, uma quantia monetária de vinte milhões de kwanzas para compras de matéria prima.

Dias depois, o acusado não mais apareceu, meteu-se em fuga, tendo sido detido na semana finda, na sequência de uma operação do Departamentos de Fraudes Financeiros e Fiscais do SIC-Malanje, em coordenação com o SIC-Luanda.