Connect with us

Lifestyle

Exposição colectiva “Zuela” está patente na Tamar Golan

Published

on

 

A Exposição colectiva “Zuela” foi inaugurada, na noite de ontem, na galeria Tamar Golan, na Fundação Arte e Cultura, na Ilha de Luanda, estando patente ao público até ao dia 18 de Novembro, podendo ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 17h00.

Luzea Gaspar, Sureny Fernandes, Débora Sandjai, Jardel Selele, Serafim Yssolo e Álvaro Yéca são os artistas que em  “Zuela” abrem e canalizam liberdade de expressão numa exposição que busca construir uma narrativa capaz de propor um abraço à diversidade, celebrar e comemorar a originalidade e a individualidade de modo a criar um campo maior de descobertas e de possibilidades, que as tornam melhores e mais felizes.

Zuela é uma palavra que provém do kimbundu que significa Falar, ou exprimir-se pela palavra humana; dizer, discorrer ou exercer influência. As obras destes jovens artistas falam por si, são imaginações, sentimentos de uma realidade com a narrativa que nos leva para uma viagem nas questões mais profundas da existência humana, pois é no Zuelar, se assim podemos dizer, que tudo veio à existência. Foi pela palavra que Deus disse que “haja luz” então houve luz.

Esta mostra originou-se da ideia da artista Luzea Gaspar, que convocou cinco jovens artistas visuais e plásticos contemporâneos, com produções em franco processo de desenvolvimento, pretendendo promover uma plataforma de diálogo entre os mesmos e com o público.

Colunistas