Connect with us

Economia

Executivo divulga em Junho empresas concorrentes à gestão do novo aeroporto de Luanda

Published

on

O ministro dos Transportes, Ricardo Viegas D’Abreu, disse esta quinta-feira, 30, na Assembleia Nacional, que as empresas participantes do concurso público internacional para a concessão de gestão do Aeroporto Internacional Dr. António Agostinho Neto, serão conhecidas no próximo dia 05 de Junho.

“Após a data final para recebimento de propostas vamos fazer análise e efectuar a adjudicação para a empresa que melhor atender ao que pretendemos”, disse, aos deputados da Comissão de Economia e Finanças do Parlamento.

O concurso é para gestão da infra-estrutura durante 25 anos. Em caso de necessidade, caso as partes achem pertinente, o prazo pode ser alargado para mais 15 anos.

As empresas que estão a participar do concurso devem ter no mínimo três anos de experiência, na gestão de uma infra-estrutura aeroportuária.

Além disso, de acordo com Ricardo Viegas D’Abreu, o concorrente deve ter sob sua responsabilidade a gestão de pelo menos um aeroporto de categoria internacional. As empresas concorrentes devem ter também no mínimo 150 milhões de dólares como fundo global.

Localizado no distrito urbano de Bom Jesus, município de Icolo e Bengo, província de Luanda, o novo aeroporto, erguido a 40 quilómetros da capital do país, entrou em funcionamento de forma faseada, em Novembro de 2023, sendo a primeira fase reservada aos serviços de carga, até o primeiro semestre de 2024, quando deverá ter início os voos domésticos.

Conforme o Correio da Kianda publicou anteriormente, até Março desse ano, quatro empresas internacionais haviam remetido proposta ao Governo de Angola para a concessão do Aeroporto Internacional “Dr. António Agostinho Neto” (AIAAN).

Colunistas