Connect with us

Politica

Ex-secretário da FNLA em Malanje acusado de desviar fundos e vender património do partido

Published

on

Depois de ter colocado o cargo à disposição, na semana passada, Luciano dos Santos, antigo secretário provincial da FNLA em Malanje está a ser acusado dos crimes de corrupção, nepotismo, desvio de fundos e venda de património do partido.

A revelação foi feita, nesta quinta-feira, pelo actual secretário provincial em exercício, Carlos Cassoma, em conferência de imprensa, assegurando que Luciano dos Santos terá furtado uma viatura pertencente ao comité provincial da FNLA da Lunda-Sul, que se encontrava sob tutela da direcção do partido em Malanje.

O politico da FNLA disse ainda que “foi aberto um processo-crime que está a correr os trâmites legais e posteriormente poderá traduzir-se em julgamento”. E acrescenta que, Luciano dos Santos desviou de cerca de um milhão de kwanzas enquanto gestor do partido.

Carlos Cassoma referiu que se esperava de Luciano dos Santos a criação de políticas e programas que contribuíssem para a promoção da unidade, progresso interno e de desenvolvimento da FNLA na região.

Apelou aos militantes, simpatizantes e amigos da FNLA a fazerem denúncias públicas, para evitar que Luciano dos Santos os convença a unirem-se em prol dos intentos que persegue.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (13)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (25)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (88)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (21)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2021 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD