Connect with us

Mundo

EUA lançam ataques na Síria em dois locais ligados ao Irão

Published

on

Os Estados Unidos lançaram hoje ataques na Síria contra dois locais ligados ao Irão, em resposta aos ataques contra norte-americanos na região, disse o secretário da Defesa, Lloyd Austin.

“As forças armadas dos Estados Unidos conduziram ataques de precisão hoje em instalações no leste da Síria usadas pelo Corpo da Guarda Revolucionária islâmica e grupos afiliados ao Irão”, disse o secretário de Estado norte-americano, em comunicado.

Isto acontece em “resposta a ataques contínuos contra pessoal dos Estados Unidos no Iraque e na Síria”, acrescentou.

Pelo menos uma pessoa morreu e outras três ficaram feridas na sequência deste ataque.

De acordo com o Observatório dos Direitos Humanos sírio, o balanço das vítimas pode aumentar devido à existência de casos graves e pessoas desaparecidas.

Além disso, indicou que os ataques destruíram um armazém de armas e uma plataforma de lançamento de mísseis.

Há dois dias, o presidente Joe Biden, tinha revelado que as forças norte-americanas tinham atacado uma instalação na Síria utilizada pela Guarda Revolucionária iraniana e grupos afiliados para armazenamento de armas, numa ação de retaliação.

O relato do chefe de Estado norte-americano foi feito numa carta dirigida ao congresso: “Sob as minhas ordens, as forças dos EUA realizaram um ataque de precisão contra uma instalação no leste da Síria usada pelo Corpo da Guarda Revolucionária do Irão”.

O ataque foi realizado “para fins de dissuasão” e “de uma forma concebida para limitar o risco de escalada e prevenir vítimas civis”.

Grupos de milícias afiliados à Guarda Revolucionária realizaram uma série de ataques contra pessoal e instalações dos Estados Unidos no Iraque e na Síria, de acordo com relatos dos Estados Unidos nas últimas semanas.

Colunistas