Connect with us

Economia

Estudantes universitários vão produzir telemóveis em todo país

Published

on

Os estudantes universitários nas 18 províncias do país vão trabalhar na produção de telemóveis, por meio de um acordo de parceria que a Afrione, empresa de montagem de telemóveis e tablets, prevê firmar com as instituições de ensino superior no país.

A intenção foi manifestada nesta sexta-feira, em Luanda, na audiência que o PCA da Zona Económica Especial (ZEE) António Henrique da Silva, concedeu ao CEO da Afrione, Sahir Berry.

Aquele empresário, em representação da Nexim Technologies referiu que o projecto “permitirá que jovens talentosos angolanos possam ser aproveitados para estágios na unidade fabril da Afrione e que as universidades saiam também a ganhar com a disponibilidade destes jovens na construção de infraestruturas tecnológicas dentro delas”.

O referido projecto visa a formação superior dos jovens sobre programadores de aplicativos software e aparelhos móveis inteligentes.
Para o Presidente do Conselho de Administração da ZEE EP, António Henriques da Silva “este é um projecto educacional, que está em linha com os objectivos do Governo de Angola”, tendo ainda acrescentando que “na ZEE, olhamos isto como uma acção enquadrada na missão de responsabilidade social da empresa”.

A Afrione é uma empresa sediada nos Emirados Árabes Unidos, que opera em Angola desde finais de 2020, com a montagem de telemóveis, tablets e electrodomésticos, na Zona Económica Especial (ZEE).

Empresa garante que em dois meses já produziu 50 mil telemóveis inteligentes 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (25)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (27)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (91)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (22)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania