Connect with us

Economia

Empresa americana afastada por incumprimento do bloco norte de Cabinda

Published

on

Uma empresa petrolífera de origem americana foi afastada de concorrer para o processo de exloração de blocos petrolíferos angolanos, que se encontram em concurso público.

De acordo com um comunicado publicado no Site do Ministério dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás  (MIRENPET), a empresa WM-DC Resources Limietd foi excluída do contrato de partilha de produção do Bloco Norte da Zona Terrestre de Cabinda, por incumprimento das obrigações contratuais e financeiras.
O anúncio consta no Decreto Executivo nº 216/22 de 2 de Maio, onde se lê que a empresa é detentora do interesse participativo no referido Bloco e encontra-se em situação de incumpridora da sua quota-parte nos custos incorridos pelo grupo empreiteiro, o que tem dificultado a normal execução das operações petrolíferas.

“Tendo em conta que os restantes membros do grupo empreiteiro solicitaram a exclusão da WM-DC resources Limited, do Bloco em causa e este foi aceite pela Concessionária Nacional, com a saída da mesma, a equipa passa ter a seguinte composição: Eni Angola SPA 61%, Sonangol Pesquisa e Produção 25% e Acrep SP com 12,82%, esta informação consta no referido diploma”.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *