Connect with us

Politica

Edifício da LMC entre os patrimónios recuperados pelo INSS

Published

on

USD 134 milhões foram recuperados em patrimónios pertencente ao Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), no âmbito da recuperação de activos, revelou quinta-feira, em Luanda, o director-geral da instituição, Anselmo Monteiro.

Segundo o director-geral, que falava na III edição do briefing com jornalistas, dentre os activos patrimoniais, fazem parte as Torres Eucaliptas, ainda não pagas na íntegra, o edifício da Luanda Medical Center, uma construção que custou aos cofres do INSS perto de USD 48 milhões, o Instituto Sapiens, orçado em USD 35 milhões, e o Hotel Monalisa, de USD 39 milhões de dólares.

Ainda durante o encontro, o secretário de Estado para o Trabalho e Segurança Social, Pedro Filipe, adiantou que a Lei Geral do Trabalho (LGT) será revista na próxima legislatura, estando, nesta altura, uma equipa técnica, criada pelo Presidente da República, a estudar as propostas apresentadas por sindicatos e parceiros sociais.

O grupo de trabalho criado pelo Presidente da República, além do secretário de Estado para o Trabalho e Segurança Social, integra ainda representantes de sindicatos, entidades patronais, parceiros sociais e académicos.

O secretário de Estado referiu que o grupo tem trabalhado em espírito de concórdia e patriotismo, para reflectir sobre as diferentes sensibilidades dos empregadores e trabalhadores.

Por Angop 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *