Connect with us

Politica

Economista critica ausência de empresários na visita a República Checa

Published

on

O Presidente da República disse nesta quarta-feira, em Praga, que o potencial do desenvolvimento das relações entre Angola e a República Checa é bastante grande, mas razões de várias ordens impediram a sua total exploração, tendo defendido a inversão da situação para tirar o máximo proveito.

João Lourenço, que falava durante um jantar de gala oferecido pelo seu homólogo checo, Petr Pavel, por ocasião da visita oficial que efectua à República Checa, disse ter encontrado grande abertura e um interesse recíproco no sentido do desenvolvimento dos laços de amizade e cooperação, para o benefício de ambos os países.

Entretanto, o economista José Macuva entende que a falta de empresários na comitiva do Presidente João Lourenço representa que as relações têm mais carácter político e menos económico.

O economista disse, por outro lado, que “as relações são benéficas quando há elementos economicamente atractivos”.

A República Checa é um país da Europa Central, tendo como capital a cidade de Praga, principal destino turístico do país, com uma população estimada em 10,7 milhões de pessoas.

O país adoptou a economia de mercado centrada no comércio e na indústria e baseada no comércio internacional e na indústria automobilística.

“Diversificação da economia e geração de mais empregos constituem a principal meta desta cooperação” – PR

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.